segunda-feira, 25 de julho de 2011

Hoje permito-te!

9 comentários:

Zenith disse...

Já não se fazem músicas assim.
Nem sedução...
Beijo
Z

Me disse...

Zenith,

Esta música é divinal...
Quanto à sedução, cabe-nos a nós fazermos por acontecer, assim...

Beijos

Orquídea Selvagem disse...

Filme marcante...
Música inesquecível...

Boa lembrança!! :)

Beijo

Zenith disse...

Há uns anos, seguia um blog saboroso, infelizmente extinto, que reportava uma frase logo abaixo do titulo do Blog: "Quando eu era pequeno, havia uma coisa chamada sedução".
Com a correria do dia-a-dia, é mais difícil 'gastar' tempo a seduzir, parece que se quer tudo rápido e instantâneo...
Mas como dizes e bem, temos que fazer por isso, é claro.
Beijo

Me disse...

Orquídea,
Podes ter a certeza, este filme jamais se esquece!

Beijos
Feliz pela tua presença aqui.

Me disse...

Zenith,
Tens razão no que dizes, parece que as pessoas já não se dão ao trabalho de se descobrirem lentamente... querem tudo a correr, mais fazem sexo um par de vezes e já acham que conhecem tudo do outro... Onde fica a magia da descoberta lenta, gradual, sensual... o toque indelével das almas.

Beijos

Fogo disse...

Sim, falta muita sedução hoje em dia...

Fogo disse...

Falta tempo...

Me disse...

Fogo,
Falta vontade... o tempo não pode servir de desculpa para tudo.